Disable Preloader

Psicoterapia

Um olhar mais aprofundado para a saúde emocional...

Então como perceber se é necessário um momento especial de psicoterapia? Quando surgem os sintomas, aqueles prolongados, incômodos, pertinentes, que talvez sejam nomeados como próprios deste período, mas que têm perdurado e repetidamente se instaurado.

A psicoterapia consiste em um processo gradual que viabiliza a saúde emocional e psíquica para mãe, pai e bebê. Tem como enfoque principal propiciar recursos para que esse processo de mudança, de passagem de filha(o) para mãe e pai, seja saudável e adequado. Visa auxiliar a mulher para que esta se entregue à gravidez, consiga viver com satisfação esta etapa em seus momentos de alegrias e dificuldades. Quanto ao pai, contribui para um amadurecimento e reconhecimento de seu lugar na família, de sua função, vivendo ativamente a paternidade.

É um espaço onde pode-se falar de medos, certezas, ambivalências, dúvidas e o que mais permear essa fase tão realizadora para muitas mulheres, e também homens. Um momento reservado a uma escuta especializada, que oferece apontamentos, para caminhos em que o sofrimento psíquico seja elaborado e vivenciado. Onde sintomas, angústias e repetições aparecem para serem compreendidos e desvelados, e então ressignificados.

Assim, pensando neste momento de mudanças, de um novo, se percebem sentimentos nunca antes imaginados. Pois, supõe-se que seja um período de muito amor. Sim o é, mas o desejo ou a ausência deste, junto à surpresa da descoberta, despertam expectativa, medo, apreensão, suporte, afeto, cuidado, carinho, satisfação, dor, incômodo, rejeição, dentre outros sentimentos e percepções peculiares. Estes podem ser como um grau inadequado para sua límpida visão do amor, ou contribuintes para torna-la mais agradável e satisfatória.

Então como perceber se é necessário um momento especial de psicoterapia? Quando surgem os sintomas, aqueles prolongados, incômodos, pertinentes, que talvez sejam nomeados como próprios deste período, mas que têm perdurado e repetidamente se instaurado.

O que fazer? É necessário se perceber de modo mais intenso e consciente, pois talvez seja este um sinal de que algo pode irromper seu desejo e te travar, te impedir de realizar aquilo que você tem vontade, que tem buscado, sonhado, idealizado e almejado.

Compartilhar: